Urban jungle: a tendência para interiores

urban-jungle

Urban jungle, ou “selva urbana”, é uma das principais tendências de 2019. Urban jungle é o conceito de transformar o interior das casas e apartamentos – principalmente os pequenos apartamentos – em uma selva particular, um ambiente aconchegante e tranquilo, através do cultivo de plantas. Plantas e muitas plantas: quanto mais melhor!

Do banheiro à cozinha, o conceito do urban jungle busca compensar a falta de cenários verdes no ambiente urbano dentro de casa. E este hábito simples, que pode começar com um único vasinho de uma suculenta, pode se tornar uma valiosa terapia. Ao cuidar das plantas de sua casa, além de criar ambientes bonitos e aconchegantes, você também se dedica a um hobby, uma dose de antiestresse diário. Além disso, ter plantas dentro de casa ajuda a purificar o ar!

Sabe aquelas fotos bonitas e muito verdes que você tem encontrado no feed do Instagram? É mais do que uma dica de decoração. É o retrato de uma tendência, que desde o ano passado, tem ganhado cada vez mais adeptos. Que tal começar agora mesmo a cultivar sua própria selva particular?

urban jungle 2   urban jungle 1   urban jungle 3
Imagens: Pinterest

 

Cuidados

Cultivar plantas dentro de casa, embora seja uma prática simples, exige alguns cuidados. Na hora de pensar em quais plantas comprar, e por quais ambientes você vai espalhá-las, tenha em mente alguns cuidados. Sua urban jungle agradece!

  • Perceba a luminosidade de sua casa antes de escolher qual espécie cultivar. Algumas precisam de sol direto, meia-sombra ou sombra. Se você quiser plantas de sol direto, basta deixá-las expostas ao sol. Se quiser alguma de meia-sombra, significa que ela gosta de receber o sol da manhã ou do fim da tarde. E para as plantinhas que preferem sombra, não significa que não precisam de luz, mas sim que devem ser expostas à luz filtrada, por uma janela ou cortina.

 

  • Não se esqueça de regar suas plantinhas! Como poucas espécies exigem água diariamente, cuidado para não esquecer totalmente de regá-las. Dica: fure o solo com um palito de dente e, se ele sair limpo e seco, já está na hora de regar!

 

  • Adubação é importante. Quando comprar, pergunte ao florista quais cuidados as suas precisam.

 

  • E se você tem pets, atenção! Cuidado para não começar a cultivar plantas venenosas ou que possam fazer mal ao seu bichinho, caso ele decida comer algumas folhas. Exemplos: Espada de São Jorge, Comigo Ninguém Pode, Costela de Adão, Samambaia, etc.