Imobiliária em Campinas

Reforma sem quebra-quebra

em: Decoração

Aprenda a renovar a sua sala sem sujeira e dores de cabeça!

Dicas para manter os tapetes limpos

em: Provectum

Fonte: Imóvel Web

São Paulo - Em casas com crianças ou animais de estimação, não há tapete que fique ileso de manchas. Quem adora reunir os amigos ou familiares em casa sabe também que as peças são as principais vítimas de acidentes: tem sempre alguém que derruba algo no chão, bem em cima do tapete ou carpete que acabou de voltar da lavanderia, como prega a lei de Murphy.

Manter tapetes e carpetes limpos é fundamental para evitar ácaros e outros microorganismos que podem causar doenças alérgicas em sua família. Sem contar que tapetes e carpetes manchados estragam a decoração da sua casa. Para que você tire de letra essa tarefa, confira 5 dicas para que você não tenha que recorrer à lavanderia toda vez:

1- Conservação: Para conservar o tapete, o ideal é limpar todos os dias com o aspirador. A sujeira e poeira trazidas pelos sapatos podem encardir o produto sem que você perceba esta evolução gradual. Se você não conseguir tanto zelo, três vezes por semana é o suficiente. Máquinas de limpeza a vapor também podem ser usadas, entretanto, elas precisam ser mantidas a uma certa distância para não destruir ou derreter os fios. Já vassouras, esfregões e escovas não são recomendados, pois eles desfazem os fios se aplicados com intensidade.

2- Manchas: Se o problema for manchas, primeiro, você precisa tirar o excesso da substância derramada com um pano limpo o mais rapidamente possível. Qualquer produto aplicado deve ser testado antes para evitar o risco de desbotar ou de manchar a peça. Geralmente, quando se mistura um litro de água morna, uma colher de sabão em pó e uma colher de vinagre, a solução resolve o problema, mas ela não deve ser usada em sisal e jutas.

Em peças de couro, passe apenas sabão de coco e um pouco de água. Alguns especialistas recomendam também uma gota de detergente no litro de água aplicada com pano limpo. Também existem nos supermercados vários produtos elaborados especificamente para este fim. São ideais, pois foram desenvolvidos e testados para tirar manchas.

3- Pequenos estragos: Se o problema é de outra natureza, como queimadura de cigarro, a dica é não cortar as pontas do material para não aumentar o estrago - pegue uma lixa fina de parede e passe no tapete. Se cair chiclete, utilize gelo para endurecer a goma e retirá-la com mais facilidade.

4- Secagem: Nunca pendure o tapete diretamente no sol. A alta temperatura pode danificar o produto. Para secá-lo, o ideal é deixá-lo à sombra de cabeça para baixo, de forma que só o avesso fique diretamente exposto.

5- Substâncias perigosas: Apesar de a solução de vinagre em água e sabão ser eficiente para tirar muitas manchas, preste atenção às proporções, pois a acidez do produto pode descolorir a peça. Cuidado também ao usar alvejante, que pode provocar manchas irreversíveis.

Busca

Newsletter

Seu e-mail

Arquivo

Facebook

Twitter

Twitter Youtube Flickr Facebook