Imobiliária em Campinas

Pintura: planejamento pode evitar gastos extras e garantir qualidade do serviço

em: Provectum

Fonte: Info Money
SÃO PAULO - Mudar a pintura da casa pode trazer outros ares para o imóvel, porém, sem planejamento, a reforma pode trazer gastos extras.

No orçamento de uma obra, a etapa de pintura, considerando custo de material e mão de obra gira em torno de 8%, em média, dependendo do tipo da construção. De acordo com a Sitivesp (Sindicato da Indústria de Tintas e Vernizes do Estado de São Paulo), um trabalho mal planejado, sem os produtos corretos para cada tipo de aplicação, ou mão de obra desqualificada pode elevar bastante os custos, além de causar insatisfação com o resultado final. Veja abaixo alguns cuidados com a pintura imobiliária:



Escolha da tinta
Segundo o diretor do Sitivesp, Douver Gomes Martinho, hoje, é possível saber detalhes importantes sobre as tintas. “Hoje é possível saber qual o tipo de tinta que está sendo adquirido, pois existe uma classificação regulamentada pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) que determina rendimento, resistência e cobertura, e as tintas são classificadas pelos tipos Econômica, Standard e Premium”, explica.

De acordo com Martinho, fazer a compra do produto certo é outra forma de economizar. Ele comenta que o consumidor tem à disposição diversos produtos específicos, para necessidades diferenciadas, a exemplo das tintas sem cheiro ou perfumadas, com maior resistência à umidade e maresia, com efeito imantado, de secagem rápida, para ambientes internos e externos, à base de água ou solvente, entre outros, além das texturas que oferecem os mais diversos acabamentos. Por isso, é importante que o consumidor pesquise as opções, suas diferenças e características, para que a escolha seja a mais adequada às suas necessidades.

Profissional
Outra importante decisão que o consumidor precisa tomar durante a obra é a escolha do profissional que fará a pintura do imóvel. De acordo com o Sitivesp, o uso de mão de obra especializada é outro aspecto decisivo para quem deseja economizar no processo de pintura e não ter prejuízo ou um custo acima do previsto, conforme o erro a ser consertado.

Segundo o sindicato, o profissional treinado e preparado está habilitado para preparar a superfície de forma adequada, bem como utilizar o produto da maneira correta para alcançar o resultado esperado. Isso evitará retrabalhos, manutenções periódicas e problemas como manchamento ou desbotamento precoce, craquelamento, descascamento e perda de brilho, entre outros.

Martinho ainda fala sobre a importância da programação e acompanhamento da obra. “Quando estamos em contato direto com a equipe de pintura, conseguimos resolver imprevistos que possam ocorrer em relação a prazo de entrega, entre outros, minimizar erros e ter um preço mais enxuto em cada etapa”, finaliza.

Crédito imobiliário deve representar 10% do PIB em até 4 anos

em: Provectum
Fonte: Info Money

SÃO PAULO – O crédito imobiliário continuará se expandindo e sua participação no PIB (Produto Interno Bruto) do País deve dobrar nos próximos anos, de acordo com a Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança).

“O País entrou em um movimento de crescimento contínuo, com taxas de juros consistentes, e isso fez com que o crédito imobiliário pudesse crescer. Atualmente nós temos o cenário adequado para que o crédito imobiliário possa atingir cerca de 10% do PIB nos próximos 3 ou 4 anos”, disse o presidente da entidade, Octavio de Lazari Junior.

Atualmente, o crédito imobiliário representa 4,7% do PIB nacional, o que, segundo o executivo, é um número baixo. “Isso é muito pequeno em relação a países da própria América do Sul, como o Chile, em que o crédito imobiliário significa 16% do PIB”, diz.

Expectativas de crescimento

O financiamento imobiliário com recursos da caderneta de poupança deve crescer em 2012, embora em um rítmo menor do que no ano passado. “De acordo com as variáveis econômicas, como crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) e inflação, esperamos que o crédito imobiliário no País cresça em torno 30% este ano”, disse de Lazari Junior.

Em 2011, o valor dos empréstimos com recursos da poupança cresceu 42% para R$ 79,9 bilhões, novo recorde histórico no SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo).

No mesmo período, o saldo das cadernetas de poupança no SBPE cresceu mais de R$ 30 bilhões, passando de R$ 299,9 bilhões em dezembro de 2010 para R$ 330,6 bilhões em dezembro de 2011.

Desemprego baixo impulsiona crédito imobiliário em 2012

em: Provectum

Fonte: REUTERS
SÃO PAULO - O crédito imobiliário no país deve crescer 30 por cento em 2012, alcançando recorde de 103,9 bilhões de reais, impulsionado por desemprego baixo e alta na renda, informou nesta quinta-feira a entidade que representa o setor, Abecip.

O valor considera apenas recursos da caderneta de poupança e exclui o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

"O cenário é muito favorável para crescimento do crédito imobiliário, não só em 2012", disse o presidente da Abecip, Octavio de Lazari Jr., se referindo ao aumento da massa salarial e à manutenção do baixo nível de desemprego.

Nesta quinta-feira, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou que a taxa de desemprego do país em dezembro caiu a 4,7 por cento em dezembro ante 5,2 por cento em novembro, o menor nível desde o início da série, em 2002 .

Em 2011, o financiamento imobiliário somou 79,9 bilhões de reais, crescimento de 42 por cento sobre o ano anterior, mas resultado abaixo do esperado pela Abecip, que esperava 85 bilhões de reais.

 

Provectum chega à região do Shopping Iguatemi

em: Provectum

Em dezembro, a Provectum Imóveis chegou à região do Shopping Iguatemi Campinas com a inauguração da segunda franquia da marca. A nova unidade, voltada para vendas de imóveis usados, está instalada na Avenida José Bonifácio, nº 1.636 no Bairro Paineiras, e é denominada LARR Consultoria Imobiliária, que conta com uma equipe de 16 profissionais liderados pelo gerente Paulo Domingues.



Como tudo começou...

em: Provectum

Há 25 anos iniciávamos as atividades no ramo imobiliário de Campinas inaugurando nossa primeira unidade na Rua Padre Almeida, no Cambuí. Lembro-me muito bem das dificuldades enfrentadas ao iniciar um trabalho novo em meio a grandes empresas que já atuavam naquela época no setor. Mas acreditávamos em nosso sonho e, graças ao espírito empreendedor, fomos crescendo aos poucos abrindo novas unidades e, dessa forma, aumentando a nossa cobertura na região.

Hoje, com nove unidades, posso dizer com muito orgulho que a Provectum Imóveis tem motivos de sobra para comemorar o seu Jubileu de Prata consolidada como a maior empresa do ramo imobiliário da região de Campinas. Nesses 25 anos fizemos questão de manter nossos princípios de honestidade, transparência e agilidade em nossos serviços.

 Princípios estes que, conseguimos manter desde o início, graças a uma equipe de profissionais de altíssima qualidade sempre empenhada e envolvida com os projetos de crescimento da empresa. Por isso, só tenho a agradecer a todos, funcionários e corretores, pelo nosso sucesso. Sem vocês não teríamos chegado até aqui, e com projetos para crescer ainda mais, sempre!

 Luís Bueno

Busca

Newsletter

Seu e-mail

Facebook

Twitter

Twitter Youtube Flickr Facebook