Chegou a hora de comprar um imóvel?

Nesta semana, o Banco Central reduziu mais uma vez as taxas de juros no Brasil – desta vez, a taxa Selic caiu ao patamar de 6,5% ao ano (o mais baixo da história). E sinalizou que essa tendência de queda deve ser mantida.

Com juros cada vez menores, a pergunta é: chegou a hora de financiar a compra de um imóvel? Afinal, além dos juros menores, há outros fatores que levantam esta questão, e que indicam que o momento é favorável à compra de um imóvel. Saiba por quê.

Financiamento mais barato
Com taxas de juros cada vez menores, o valor do financiamento fica mais vantajoso, pois as parcelas ficam menores. É verdade que as taxas no Brasil ainda não são baixas, mas há uma tendência de queda, que tem se mantido constante ao longo dos últimos meses. Este é um fator favorável a quem deseja financiar um imóvel.

Preços estáveis
A crise dos últimos anos segurou o preço dos imóveis, que pouco cresceram. Como a retomada econômica ainda está em seus começos, muitos imóveis em estoque, e outros que estavam à venda nos últimos anos, ainda não tiveram aumento considerável em seu valor. Ainda é possível encontrar muito boas ofertas no mercado.

Oferta de crédito
Com a queda dos juros, entidades do setor de crédito imobiliário estão prevendo um aumento da oferta de crédito na praça. A Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança) estima que esse crescimento será de 15% em 2018. Com mais oferta de crédito no mercado, encontrar a melhor opção de financiamento ficará mais fácil.

Vale um alerta
Mesmo com um cenário favorável, antes de fechar qualquer compra de um imóvel é preciso avaliar se o seu banco irá liberar o crédito. Quem enfrenta uma situação financeira desfavorável pode não conseguir o crédito. Portanto, o passo inicial é checar como está a possibilidade de ter acesso ao crédito em seu banco. Somente em seguida vale a pena partir para a negociação de um imóvel.

Imagem: iStock